Rostos por trás de um trabalho importante: conheça Alex Lopez

Rostos por trás de um trabalho importante: conheça Alex Lopez
Conheça Alex Lopez. Alex é um engenheiro de sistemas da Vermeer MV Solutions, em Greenville, na Carolina do Sul, EUA.

Como você se envolveu com a engenharia? Como você decidiu seguir a carreira de engenheiro?

No ensino médio, comecei a me interessar em construir e consertar coisas. Graças ao programa profissionalizante da minha escola, tive a oportunidade de recondicionar motores, montar circuitos eletrônicos, experimentar todos os tipos de soldagem e até construir casas. Para mim, era interessante distinguir os prós e contras de diferentes ferramentas, processos e projetos. Com isso, independentemente de apreciar ou me sentir frustrado, sempre gostei das atividades em si. Minha mãe sempre nos incentivou a continuar os estudos porque era uma oportunidade que ela não teve e meu irmão mais velho tinha ido estudar engenharia, então eu decidi tentar.

Qual foi a sua trajetória até a Vermeer?

Antes da Vermeer, trabalhei para outra empresa do meio agrícola por cerca de quatro anos. Gostei do tempo que passei lá, mas quando tive a oportunidade de me mudar para um local que apoiava meus hobbies, decidi me candidatar para a Vermeer MV Solutions para trabalhar na fábrica da Carolina do Sul. Foi uma ótima escolha! A comunidade aqui é ótima e a Vermeer tem uma excelente cultura de trabalho.

Temos diferentes tipos de engenharia na Vermeer. Por que você escolheu a de sistemas?

Meu último emprego foi em sistemas e gostei muito do trabalho. Na área de sistemas, há muitas oportunidades para fazer a diferença para o cliente. Projetos de sistemas exigem uma visão macro do produto, o que abre portas para aprender todos os tipos de conceitos diferentes.

Do que você mais gosta em engenharia de sistemas?

Adoro a diversidade de responsabilidades em qualquer projeto. Estou sempre aprendendo novas coisas para aplicá-las à minha compreensão diária de como as coisas funcionam. Às vezes isso traz simplicidade para ideias aparentemente complicadas.

Como é o seu dia normal de trabalho?

Meu dia normal é bastante variável. Tem dias em que passo todo o meu tempo na oficina ajudando a montar um protótipo de máquina, dias em que passo todo o meu tempo escrevendo códigos e elaborando documentação e qualquer coisa que estiver no meio de tudo isso. Às vezes, para resolver um problema ou aprender um novo conceito, fico literalmente escrevendo números 1 e 0 em um pedaço de papel. Eu diria que os melhores dias são os dias em que posso testar algo que criei; é aquele momento que você descobre se realmente captou todos os detalhes. Às vezes, características que surgem tornam a criação de soluções bastante desafiadora, mas é isso que torna os sistemas, sistemas.

Por que você escolheu a Vermeer MV Solutions?

Escolhi a Vermeer porque os produtos fazem uma grande diferença na gestão de recursos mundiais.

Do que você mais gosta em trabalhar na Vermeer MV Solutions?

Eu gosto das pessoas. Você raramente encontra alguém que não está disposto a ir além para ajudar a resolver um problema. Eu sinto que essa cultura positiva contribui para um excelente produto.

Temos orgulho de ter engenheiros talentosos como Alex fazendo um importante trabalho na Vermeer.

Artigos de notícias recentes

Vermeer expandirá fabricação para Des Moines

dez 13, 2022

As operações terão início em fevereiro no novo local com foco na produção de peças críticas.

Leia mais

Engenheira formada pela Central College encontra seu lar na Vermeer

out 6, 2022

Jovens engenheiros têm uma lista de itens que procuram quando buscam seu primeiro emprego ao saírem da faculdade. Descubra por que Abigail Lowry, formada pela Central College, escolheu a Vermeer para iniciar sua carreira de engenharia.

Leia mais

Rostos por trás de um trabalho importante: conheça Bryan Bietz

mai 10, 2022

Conheça Bryan Bietz. Bryan é um engenheiro de projetos que lidera uma equipe na unidade norte-americana de Freeman, Dakota do Sul.

Leia mais